BRASILEIRO QUE JOGOU COM ABEL NO BRAGA REVELA: 'SOU CORINTIANO, E ELE ME FEZ TORCER PELO PALMEIRAS'

O técnico Abel Ferreira faz a diferença na vida dos torcedores do Palmeiras, mas não só a torcida alviverde guarda o profissional no coração. O meio-campista Claudemir foi treinado pelo profissional no Braga, de Portugal, e revelou que tem gratidão eterna pelo treinador.

➡️ Tudo sobre o Verdão agora no WhatsApp. Siga o nosso novo canal Lance! Palmeiras

Em entrevista ao Lance!, o jogador ressaltou que as qualidades de Abel vão além do conhecimento futebolístico. O português é alguém preocupado com o lado humano e mental dos atletas e isso é um grande diferencial, segundo Claudemir. Por Abel, o jogador disse que, mesmo sendo corintiano, passou a torcer pelo Palmeiras.

— O Abel e a comissão, quando estive no Braga, me ajudaram muito fora e dentro de campo. Eles que pediram minha contratação, quando eu estava na Arábia Saudita. O cara é muito inteligente, estuda demais, a comissão também. Quando estava no Braga, ele me fez estudar para o curso da Fifa (de treinador), acabei fazendo. Ele procura ajudar sempre, não só no campo, no dia a dia e na parte humana. Tenho gratidão eterna. Sou corintiano e ele me fez torcer pelo Palmeiras, para que continue ganhando títulos — afirmou.

➡️ Claudemir enfrentou Messi e não torce pela Seleção: ‘Jogadores são mais profissionais na Europa’

Claudemir, que hoje atua no Grêmio São Carlense, também explicou que já esperava que Abel Ferreira fizesse sucesso no Palmeiras. O técnico chegou até a influenciar o jogador a estudar para o curso de treinador da Fifa.

— Na época que anunciaram o Abel, meus primos palmeirenses me perguntaram como era. Falei que se tiverem paciência, deixarem ele trabalhar, podem ter certeza que vai dar resultado. No começo, conversava com ele, tinham coisas de jogador brasileiro que ele foi mudando aos poucos, como a reação rápida para retomarem a bola na pressão pós-perda. Sobre virar treinador, falei para o Abel que ele ficou uns 10 anos mais velho de uns anos para cá. É estressante, não quero para mim — contou.

Abel Ferreira é diferente do que aparenta em entrevistas. De acordo com Claudemir, o técnico criou uma "máscara", mas é um "amor de pessoa".

— No dia a dia, é um amor de pessoa. Te trata bem para caramba, gosta do olho no olho. Se tiver um problema, ele vai te chamar da melhor forma. Criou uma "máscara", mas ele não é assim — revelou.

Abel chegou ao Palmeiras em 2020 e, desde então, soma 10 títulos em quatro anos. Ele trabalhou com Claudemir entre 2018 e 2019.

2024-06-22T13:05:35Z dg43tfdfdgfd